sexta-feira, 8 de maio de 2009

Mais atividade, menos tempo...enlouquecer?






"A verdade é antes de tudo é uma história, uma percepção do verdadeiro, admitida hoje, negada amanhã; o mundo é imaginado antes de ser visto e rememorado". (Gaston Bachelard)




Fui convidada pela minha co-orientadora, Denise Coutinho, a fazer parte do grupo de pesquisa dela, o CONES (Modelagem da Complexidade em Artes, Humanidades e Saúde ).

Atualmente, o grupo está estudando Bourdieu, mas já se debruçou sobre Bachelard e Feyerabend. Um dos produtos desse grupo, que está vinculado também ao PIBIC (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica ) é o registro audiovisual de entrevistas com pesquisadores da UFBA que dialogam com esses teóricos (Bachelard: parte I e parte II; Feyerabend ).

A possibilidade de participar do CONES veio junto com o convite para ser tutora de um graduando no PIBIC 2009-2010, cujo tema é Epistemologias Não-Cartesianas: Exploração de modelos na Interface Artes-Humanidades. O tema que vou trabalhar junto com um aluno da gradução (bolsista de IC da Denise) é O projeto freudiano: elementos para uma psicologia não-cartesiana.

Eu fiquei bastante animada por diversas razões: vou retomar rotas abandonadas e servirá de contrapeso (isso mesmo!) ao mestrado. Estudar psicanálise e filosofia das ciências devolve poesia ao meu dia-a-dia.

Ah, também vou ler mais em francês. Como é chato ler em inglês!!



"A ciência é um empreendimento essencialmente anárquico: o anarquismo teórico é mais humanitário e mais apto a estimular o progresso que suas alternativas que apregoam a lei e a ordem". (Paul Feyerabend)

Nenhum comentário: